Brasileiros são os segundos que mais gastam em celulares

Brasileiros ficam em 2º lugar entre os que mais passam tempo no celular

Brasil fica atrás apenas da África do Sul no ranking dos países com populações que mais usam celular no tempo ativo do dia

Os celulares fazem parte da vida das pessoas em vários lugares do planeta, mas no Brasil o hábito de usar o smartphone frequentemente é ainda mais forte. É o que diz um novo levantamento do portal ElectronicsHub, com dados detalhados em relação a grande parte das nações mundiais.

Foto: Freestocks/Unsplash / Canaltech

De acordo com a pesquisa, a África do Sul é o país em que a população mais passa tempo em frente aos aparelhos, com uma proporção de 58,21% do tempo total em que as pessoas estão acordadas. O Brasil está logo atrás, com 56,61%.

Na prática, isso significa que a população nacional passa cerca de nove horas e 32 minutos de seus dias em frente ao celular, apenas seis minutos atrás dos sul-africanos.

Outro dado curioso é o fato de que os japoneses são a população que menos usa o celular diariamente, entre os países considerados na pesquisa. Apenas 21,70% do tempo acordado é usado com os smartphones, com cerca de três horas e 45 minutos por dia.

Além disso, informações do Jornal de Pediatria mostraram que 70% da população entre 10 e 19 anos passa mais de duas horas por dia em frente a uma tela. Trata-se de um dado preocupante, pois especialistas apontam que o uso excessivo de dispositivos eletrônicos pode causar problemas visuais, por conta da exposição à luz azul.

Levantamentos adjacentes apontam que 85% das pessoas em 18 países analisados usam os dispositivos atualmente por um tempo maior do que qualquer outro momento da vida, em uma série de dados que pode ser relacionada com a pandemia de Covid-19. Existe uma tendência de aumento no uso de celulares por parte de cidadãos de todas as idades, com um acréscimo de uma hora por dia entre os adultos.

Aplicativos de streaming e redes sociais estão entre os mais populares

No Brasil, o uso de smartphones aumentou em 64% apenas entre os anos de 2019 e 2021, de acordo com a agência de dados App Annie. A popularidade dos serviços de streaming é apontada como uma possível causadora para essa situação, já que 64% dos usuários de celulares por aqui são assinantes do Netflix, Amazon Prime Video ou Apple+.

Contudo, as redes sociais também devem trazer grande impacto neste panorama, já que o Brasil aparece como o segundo país que mais consome esse tipo de aplicativo proporcionalmente durante o dia. 22,37% do tempo acordado dos brasileiros é dedicado a plataformas como o Instagram, Twitter e Facebook — um dado que coloca o país atrás apenas da África do Sul, que tem 22,56%.

O Brasil cai algumas posições no ranking que considera o tempo de uso dos computadores/notebooks. Com 24,15% do tempo diário acordado usado nestes dispositivos, o país ficou em 5º lugar na lista mundial — ou seja, ainda bastante acima da média.

Já quando se analisa o tempo gasto em jogos eletrônicos, o Brasil fica na 9º posição, com uma média de 7,62% do tempo diário dedicado aos games.

O tempo de uso dos celulares tem sido uma questão abordada pelas próprias fabricantes de smartphones, e das empresas que desenvolvem os sistemas operacionais dos dispositivos. Com isso, o Google tem incrementado as estatísticas de uso dos aparelhos Android, e ferramentas semelhantes também são encontradas no iOS.

WWDC 2023: confira os principais anúncios do evento da Apple

15 praias no Brasil com água tão azul que mais parecem o Caribe

Alexandre Pires anuncia turnê com Só Pra Contrariar em 2024

Ler mais