Tudo sobre o revezamento da tocha olímpica de Paris 2024

Tudo sobre o revezamento da tocha olímpica de Paris 2024

Ao todo, dez mil pessoas terão a oportunidade de participar do evento

Dez mil pessoas terão a oportunidade de participar do tradicional revezamento da tocha olímpica de Paris 2024. Agora você vai saber como vai ser a dinâmica do evento e quem vai poder participar dessa verdadeira festa do esporte.

O Comitê Organizador de Paris 2024 definiu que a seleção dos portadores da tocha será feita a partir de três grupos. O primeiro é formado por pessoas que são diretamente ligadas ao esporte. Podem ser atletas profissionais ou amadores, ou até mesmo funcionários e voluntários comprometidos com os Jogos.

Já o segundo grupo, é dedicado às comunidades. De acordo com o Comitê, pessoas que estão à frente de negócios, e que levam a “excelência francesa em todos os setores do país”, simbolizarão esses grupos.

Por fim, o terceiro grupo tem relação com o coletivo, ou seja, por quem atua diariamente com ações para tornar a sociedade mais inclusiva, sustentável e justa.

O Comitê Organizador selecionará metade dos portadores da tocha. Já a outra metade, terá a definição por sorteio, por meio de indicações do público em geral. Ou seja, uma pessoa pode indicar quem ela gostaria de ver no revezamento.

Como participar

Para participar, o indicado deve corresponder aos mesmos critérios do grupo de pessoas citadas a pouco. É preciso ainda ter no mínimo 15 anos e estar inscrito no Club Paris 2024. O período de indicações vai de 1º a 30 junho.

Quatro atletas franceses vão participar do revezamento como capitães. São eles os nadadores campeões olímpicos Florent e Laure Manaudou, além dos paratletas Dimitri Pavadé, do salto em distância, e Mona Francis, do paratriatlo.

Como manda a tradição, a chama olímpica vai ser acesa em Olímpia, cidade grega que é berço dos Jogos. A partir de lá, a chama vai viajar pelo mar Mediterrâneo no Belem, uma embarcação de três mastros, que terá como destino Marselha. O revezamento vai começar em maio de 2024.

Já a chama paralímpica tem como origem a pequena vila de Stoke Mandeville, na Inglaterra. Ela vai cruzar o Canal da Mancha no fim de agosto de 2024. Por fim, mil condutores farão parte do revezamento, nomes escolhidos pelo Comitê de Paris-2024.

Jogos online no Brasil 2023

10 melhores cassinos online classificados por jogos com real

How Crypto Gambling Casinos Retain Players?

Ler mais